How not to present an innovation project for Google / Como não apresentar um projeto de inovação par


Você sabia que único jeito de apresentar um projeto para o Google é doando sua ideia para eles?

Dia 13 de janeiro eu fiz um post contando do contato bacana que eu consegui no Google Munich e de como tinha recebido a retorno atencioso sobre a avaliação do projeto CHAT 3.0: uma nova plataforma de rede social que revela um novo campo de aplicação para o Hangout e que poderá ampliar significativamente o número de usuários do Google+.

Semana passada recebi uma resposta objetiva, não sobre a viabilidade ou potencial do projeto, mas sobre a política da empresa, dizia: "O Google não aceita projetos de fontes externas."

A razão é simples, eles não querem se comprometer com direitos autorais e assim não vão e nem podem responder sobre ideias e projetos de terceiros.

Entretanto, se você concordar em conceder ao Google o total direito sobre sua ideia sem qualquer tipo de compensação você pode doa-la.

É simples, basta preencher o formulário e literalmente "dar" a sua idea:

https://support.google.com/policies/answer/3058734?hl=en

Aqui vale ressaltar a diferença entre a ideia, o projeto e a execução pois elas tem graus diferentes de complexidade, valor e propriedade.

1. A ideia pode ser esta: fazer um app de compartilhamento de fotos com diversas opções de efeitos pré formatados.

Neste sentido a ideia é o insight, a persepção de algo novo que parece surgir de forma instantânea. Muitos podem ter a mesma ideia. E, mesmo que aparente ter um grande potencial, sua viabilidade é incerta e seu valor só poderá ser testado e revelado após o complexo processo de desenvolvimento e aplicação.

2. O projeto é o plano de execução da ideia. Nesta etapa estuda-se e planeja-se todo o processo para realização da ideia. Pode ser um trabalho individual ou de uma grande equipe, leva muito mais tempo e revela mais com mais clareza se a ideia é viável, qual o processo para se chegar ao resultado e qual sua estimativa de potencial.

O projeto é o mapa do tesouro da ideia.

3. Por fim a execução é todo o processo para revelar o tesouro: protótipos, landingpages, testes, ajustes e acabamento até a ideia estar pronta para ser usufruida pelos usuários / consumidores.

É a etapa onde a ideia é posta à prova e a que demanda o maior investimento em tempo e recursos. É nesta fase que a ideia sai do âmbito abstrato para tornar-se um produto / serviço concreto e de valor real.

Como resultado do exemplo da ideia acima o produto final seria o app do Instagram disponível na PlayStore. E claro, sendo baixado por milhões de usuários.

Isto significa que para empresas como o Google, que têm acesso a milhares de ideias, interessa a construção de valor no desenvolvimento de projetos que apontam para ideias tesouro, as quais suas equipes estão diariamente dedicadas.

Desta forma, se alguém acredita na sua ideia e quer ver ela acontecendo no Google cabe considerar estas duas opções.

Ser contratado por eles e ajudar no desenvolvimento do projeto e na sua execução. O que também implica em abrir mão da autoria de sua ideia e consequentemente de possíveis royalts.

Ou abraçar as três etapas, desenhando o projeto e partindo para o desenvolvimento e a construção de valor chegando com o produto final. Assim, se a ideia se provar um sucesso, como o Instagran ou o Youtube, poderá quem sabe interessar ao Google, Facebook, Microsoft e render o retorno merecido ao criador.

Acho que esse será o caminho para o CHAT 3.0. A fase de projeto já foi completada, agora é conseguir desenvolver o produto.

Quer se juntar nesta busca ao tesouro?

Me envie um email!

How not to present an innovation project for Google

Did you know that the only way to present a project for Google is by giving your idea to them?

January 13, I made a post telling the nice contact that I got in Google Munich and how I had received helpful feedback on the evaluation of the project CHAT 3.0: a new social networking platform that reveals a new field of application for the Hangout and which could significantly expand the number of users of Google+.

Last week, I received an objective response, not about the feasibility or about the project's potential, but on the company policy, it said: "Google does not accept projects from external sources."

The reason is simple, they do not want to commit to copyright and so will not, and can not answer about ideas and projects generated out of the company.

However, if you agree to grant Google the full right on your idea without any kind of compensation you can donate it.

It is simple, just fill out the form and literally "give" your idea:

https://support.google.com/policies/answer/3058734?hl=en

Here it is worth mentioning the difference between the idea, the design and the execution because they have different degrees of complexity, value and property.

1. The idea may be this: to do a photo-sharing app with several pre formatted effects options.

In this sense, the idea is the insight, the perception of something new that seems to appear instantly. Many can get the same idea. And, even appearing to have great potential, its viability is uncertain and its value can only be tested and revealed after the complex process of development and implementation.

2. The project is the strategic plan. At this stage, the process for carrying out the idea is studied and planned. It can be an individual or a large team work, it takes much longer and reveals more clearly if the idea is feasible, what is the process to get to this result and what their potential estimation.

The project is the treasure map of the idea.

3. Finally, the execution is all the work to reveal the treasure: prototypes, landingpages, testing, adjustment and finish up the idea to be ready to be enjoyed by users / consumers.

It is the stage where the idea is put to the test and that demand greater investment in time and resources. It is at this stage that comes out the idea from abstract level to become a product / service specific and with real value.

As a result of the above idea example, the final product would be the app Instagram available in PlayStore. Of course, it being downloaded by millions of users.

This means that for companies like Google, who have access to thousands of ideas, is their interest of building value in the development of projects that link to treasure ideas, which their teams are daily engaged.

Thus, if one believes in their idea and want to see it happening in Google is worth considering these two options.

Be hired by them and help in developing the project and its implementation. This also implies giving up the authorship of your idea and consequently of possible Royalts.

Or embrace the three stages, drawing the starting design for the development and construction of value. Coming to the end product. So if the idea prove to be successful, as the Instagran or Youtube, it may perhaps be of interest to Google, Facebook, Microsoft and bring the price of the treasure for the creator.

I think this will be the path to the CHAT 3.0 project. The design phase was completed, now is time to develop the product.

Want to join in this treasure's quest?

Send me an e-mail.


in English & Portuguese
Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
No tags yet.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

CONTACT

+49 (0) 15 733 922 744
marcelobohrerid@gmail.com

Skype/ marbohmarcelobohrer

ADDRESS

Fröttmaningerstrasse 8a - 80805

Munich - Germany

  • Instagram
  • Wix Facebook page
  • LinkedIn App Icon
  • xing.png